domingo, 2 de outubro de 2011

Cattleya

Hibrido: C.Labiata x C.Bicolor
 (Imagem de meu cultivo)

Cattleya é um gênero de orquídeas com cerca de setenta espécies. A Cattleya é muito presente em todo o território brasileiro, com espécies em todo o Sudeste, especialmente na Mata Atlântica e no Cerrado. Muito cultivada por seu tamanho e beleza (A Cattleya warneri, por exemplo, pode alcançar 25 cm de diâmetro), está disseminada em todo o país em lojas e floriculturas.

É muito fácil de ser cultivada, prefere ficar sobre ripados de madeira, na chamado meia-sombra, mas podem ser cultivadas em apartamentos e interiores.

In Natura, vive em lugares arejados e úmidos e temperaturas relativamente altas, em árvores de pouca sombra (luminosidade em torno de 60% para a maioria das espécies). O arejamento é um fator primordial para se conseguir belas flores.

Podem ser facilmente divididas quando emitem novas raízes para fora do vaso, e o melhor momento para dividi-las é logo após a floração quando o novo crescimento estiver apenas iniciando.

Lembre-se sempre de esterilizar a tesoura antes da poda.

Devido a sua capacidade para hibridação, só na natureza suas espécies se intercruzaram mais de 38 vezes (híbridos interespecíficos, ou seja, entre espécies do mesmo gênero) e com espécies de outros gêneros 31 vezes (híbridos intergenéricos). Com Laelia, cruzou 21 vezes. Com a Brassavola, 7 e com Schomburgkia, 3 vezes. Logo, existem mais híbridos naturais do que espécies.




A Cattleya e sua morfologia

As Cattleyas podem ser divididas em alguns grupos:

Cattleyas bifoliadas
Cattleya intermedia

Grupo formado por espécies geralmente altas com pseudobulbos estreitos e duas ou mais folhas na extremidade, em regra com mais flores que os outros grupos, geralmente menores e menos vistosas.

   1. Cattleya aclandiae (Brasil)
   2. Cattleya amethystoglossa (Brasil)
   3. Cattleya bicolor (Sudeste do Brasil)
   4. Cattleya dormaniana (Brasil)
   5. Cattleya elongata (Brasil)
   6. Cattleya forbesii (Brasil)
   7. Cattleya granulosa (Brasil)
   8. Cattleya guttata (Brasil).
   9. Cattleya harrisoniana (Sudeste do Brasil).
  10. Cattleya intermedia (Sudeste e Sul do Brasil, Paraguai, Uruguai).
  11. Cattleya kerrii (Brasil).
  12. Cattleya loddigesii (do Sudeste do Brasil ao Nordeste da Argentina).
  13. Cattleya porphyroglossa (Brasil).
  14. Cattleya schilleriana (Brasil).
  15. Cattleya tenuis (Nordeste do Brasil).
  16. Cattleya tigrina (Sudeste e Sul do Brasil).
  17. Cattleya velutina (Brasil)
  18. Cattleya violacea (Colômbia, Venezuela, Guianas, Brasil, Bolívia, Peru e Equador).




Cattleyas monofoliadas
Cattleya labiata
Grupo da Cattleya labiata, com pseudobulbos mais curtos e uma só folha no ápice. Espécies vistosas com poucas flores grandes

1. Cattleya aurea (Sul do Panamá à Colômbia)
   2. Cattleya candida (Colômbia).
   3. Cattleya dowiana (Costa Rica)
   4. Cattleya gaskelliana (Colômbia à Trinidad-Tobago).
   5. Cattleya jenmanii (da Venezuela à Guiana).
   6. Cattleya labiata (Brasil)
   7. Cattleya lueddemanniana (Norte da Venezuela).
   8. Cattleya mendelii (Nordeste da Colômbia).
   9. Cattleya mossiae (Norte da Venezuela)
  10. Cattleya percivaliana (da Colômbia ao Oeste da Venezuela).
  11. Cattleya rex (da Colômbia ao Norte do Peru).
  12. Cattleya schroderae (Nordeste da Colômbia).
  13. Cattleya trianae (Colômbia).
  14. Cattleya wallisii (Norte do Brasil).
  15. Cattleya warneri (Leste do Brasil).
  16. Cattleya warscewiczii (Colômbia).

Cattleyas monofoliadas de flores pequenas
Cattleya iricolor

   1. Cattleya iricolor (do Equador ao Peru).
   2. Cattleya luteola (Norte do Brasil, do Equador à Bolivia).
   3. Cattleya mooreana (Peru).

Cattleyas do grupo da C. walkeriana


Cattleya nobilior

As vezes com pseudobulbo exclusivo para floração, parecendo florescer lateralmente. Pseudobulbos curtos e ovoides com uma ou duas folhas e poucas flores vistosas.

   1. Cattleya nobilior (do Centro Oeste do Brasil à Bolívia).
   2. Cattleya walkeriana (Centro Oeste e Sudeste do Brasil).

Cattleyas atípicas
Cattleya lawrenceana

   1. Cattleya lawrenceana (Venezuela, Guiana, Norte do Brasil).
   2. Cattleya maxima (da Venezuela ao Peru).

Espécies não esclarecidas

Possivelmente sinônimos de outros gêneros ou híbridos naturais.

   1. Cattleya boissieri Colômbia.
   2. Cattleya elegantissima (Venezuela).
   3. Cattleya herbacea (Nordeste da Argentina).
   4. Cattleya storeyi (Windward Is.) (Barbados.)

Fonte: http://pt.wikipedia.org/ Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário