quarta-feira, 2 de novembro de 2011

PRAGAS EM ORQUÍDEAS

 Orquídeas certamente não se encontram entre as plantas mais preferidas pelos insetos. Mesmo assim, um ou outro sempre pode aparecer.

Larva-mineira


 Sintoma – labirinto de galerias cavadas no interior das folhas.
Combate – pulverizações com inseticida à base de fumo (ver receita adiante).

Baratas, Gafanhotos e Lagartas

 
Sintoma – também roem as pontas das raízes e de brotos novos.
Combate – pulverizações com inseticidas de uso domestico (SBP)
.

Baratinha-vermelha
 
Sintoma – picam as folhas, principalmente das CATTLEYAS e dos EPIDENDROS, dando origem a áreas esbranquiçadas que desfiguram a planta. De nome cientifico TENTHECORIS bicolor, quando pequenas, as baratinhas-vermelhas, lembram formigas, que se aninham na base ou no dorso das folhas. Quando adultas são alaranjadas, com asas de cor metálica. Vivem em ligeiros bandos e fogem rápido ao menor movimento.
Combate – pulverizações com inseticidas de uso domestico (SBP)

Vespinha ou Eurytoma

 
Sintoma – inchaço extra ordinário da base dos novos brotos, que serão roídos internamente pelas larvas da vespinha. Atacam sobretudo CATTLEYAS e LAELIAS.
Combate – o melhor é cortar e queimar os brotos infestados.


Lesmas, Tatuzinhos e Caramujos
 
Sintomas – pontas das raízes e dos brotos novos roídos.
Combate – prepare algumas iscas para eles e faça, em seguida, a eliminação manual. Como isca, use folhas de alface, chuchu ou fatias de mandioca com o centro escavado (em baixo das quais eles gostam de esconder-se), ou então mata-lesmas, facilmente encontrado no mercado. Se puder desenvasar, podem ser eliminados por catação manual, não esquecendo

os ovos, caso existam. Ovos de lesmas são esferas transparentes que chegam a atingir 3 mm de diâmetro.
Se o desenvasamento for difícil, um outro meio é imergir o vaso, por cerca de duas horas, num recipiente com água suficiente para atingir a borda do vaso. Como os bichos terão que subir para respirar, poderão facilmente ser eliminados.
Atenção para não encostar o fundo do vaso no fundo do recipiente, pois, muitas vezes, assim como o furo do vaso é caminho de entrada, é também o caminho de saída dos bichos. Como podem ainda existir ovos, é preciso repetir o processo algumas vezes a cada semana.
Como prevenção, os furos dos vasos de barro ou plástico, devem ser tampados com tela mosquiteiro, antes do envasamento (veja dicas sobre os vasos).
Ainda temos outras armadilhas, como: um saco de estopa embebido com cerveja ou fazer uma barreira com graxa nos pés das bancadas.


Nematóides

Causam estragos que, a curto ou longo prazo, levam a planta à morte. A reação contra os nematóides varia de planta para planta. Ela pode até não morrer, se as condições lhe forem favoráveis, mas ficara raquítico e não dará flores.
Segundo os especialistas, existem cerca de 5000 espécies de NEMATÓIDE parasitas de plantas. O mais comum em orquídeas tem aspecto de lombriga, cor branca e tamanho da ordem de décimos de mm e, quando colocados sobre uma lamina de um microscópio de baixo aumento com uma gota d´água, serpenteiam, como minhocas. Outros têm anéis e se movem se esticando e se encolhendo, como lagartas. Eles atacam qualquer parte da planta, mas em geral, iniciam seu ataque pelas raízes que começam a apodrecer.
Se as condições forem favoráveis para os NEMATÓIDE (muita humidade), todas as raízes irão apodrecer em curto espaço de tempo. Do contrario, têm a capacidade de entrar em dormência por meses ou até anos.
Esta podridão é distinguível da podridão negra (causada pelo fungo PYTHIUM), porque o ataque do NEMATÓIDE pára quando atinge o cerne duro enquanto o PYTHIUM avança pelo rizoma até o pseudobulbo em questão de dias. Mais ainda, o broto ou pseudobulbo atacado por NEMATÓIDE fica mole e aquoso, enquanto que o atacado pelo fungo PYTHIUM não perde a consistência.
Se você notar mancha negra ou marron, começando em geral pelo rizoma ou pseudobulbo, é podridão negra. Corte imediatamente a parte afetada e tente salvar o resto (coloque um
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um comentário:

  1. Olá tudo bem, estou retribuindo sua visita em meu blog, olha que legal heim, muitas explicações super legais amei, meu filho adora plantas,vou falar com ele para te visitar tambem.
    Sucesso para você!!!

    ResponderExcluir